Notícias

  • Home >>
  • notícias
quinta-feira 12 de maio de 2022

Honda Open – Aberto do PL, retorna após dois anos, em busca de um novo campeão

Novidade da competição válida para a Ranking Mundial é a inclusão da categoria feminina

 

Banner Honda PL 2022Depois de estrear em 2019 como competição válida para o Ranking Mundial Amador de Golfe (WAGR), na categoria masculina, e de não ser realizada nos dois anos seguintes por causa da pandemia, o Honda Open – Aberto do PL Golf Clube retorna este ano, em sua 45ª edição, renovado e com a novidade de inclusão da categoria feminina, que como na masculina irá reunir alguns dos melhores golfistas do Brasil.

O torneio que está entres os maiores do calendário nacional de 2022 será jogado de sexta a domingo, 13 a 15 de maio, em Arujá (SP), sendo que as categorias scratch (homens até 8,5 e mulheres até 16 de handicap índex) competem em 54 buracos, valendo para o WAGR e ranking nacional. As demais categorias valem para os rankings da Federação Paulista de Golfe (FPGolfe).

Novos campeões – Tanto no masculino como no feminino, o Honda Open – Aberto do PL, terá novos campeões este ano. Os vencedores dos anos anteriores ou não competem mais como scratches, ou viraram profissionais, ou estão jogando no exterior, como é o caso de Gui Grinberg, hoje nos EUA, que defenderia o título ganho em 2019, ou do sul-coreano Jinbo Há, tricampeão de 2016 a 2018.

Para as mulheres este será o 20º Aberto do PL, mas o primeiro jogado junto com a competição masculina e pela primeira vez valendo para o WAGR. Antes disso, o Aberto Feminino do PL era jogado a cada três anos, em datas separadas, em rodízio com outros clubes de São Paulo. A última competição, em 2019, foi vencida por Lauren Grinberg, que não tem mais competido. Em 2016, venceu Lúcia Guilger, a Barata.

Destaques – No masculino, estarão em campo cinco dos 11 primeiros do ranking brasileiro, incluindo três dos Top 5, com destaque para o gaúcho Andrey Xavier, o número 1 do Brasil, agora competindo pelo Campestre de Livramento. Andrey competiu pouco em 2022, quando estava vinculado a outro clube, mas voltou com força total ao ser vice-campeão do Sul-Brasileiro e vencer o Aberto da República, no Uruguai, domingo, passado, onde deu o troco no local Agustin Tarigo, que o derrotara em Porto Alegre. Com isso, Andrey já voltou aos Top 100 do WAGR, atrás apenas do paulista Fred Biondi, 64ª da lista.

Outros destaques do masculino são Lucas Park, de Paradise, terceiro do ranking nacional e terceiro melhor brasileiro do WAGR (474º), que vem de três Top 5 consecutivos em torneios do ranking mundial (Gorila Tour-DGC; Brasília e Sul-Brasileiro); seu irmão mais novo Matheus Park, quinto do ranking nacional, que vem de cinco Top 10s, incluindo o terceiro lugar no Bandeirantes e no Gorila-DGC; e o paranaense Victor Maciel dos Santos, do Alphaville, que foi Top 10 em cinco dos seis últimos torneios do WAGR que disputou, o mais recente o oitavo lugar na Bandeirantes.

Mais destaques - Ao todo, cinco dos seis primeiros colocados do ranking da FPGolfe estarão em campo, a começar por Fernando Silva, do Campinas Golf Center, número 1 do estado. Além de Luca (2º) e Matheus (3º), competirão ainda Alessandro Melle, do Campinas Golf Center (5º), que entrou para o ranking mundial ao vencer o Bandeirantes; e Rogério Cardoso, do Damha (6º).

Marcos Negrini, do Damha, número 3 de São Paulo, que vem de quatro títulos em cinco torneios, incluindo o Honda Open – Aberto do Clube de Golfe de Campinas, não poderá competir em torneios durante a semana até agosto por causa de compromissos profissionais. Dois seniores da ABGS (Associação Brasileira de Golfe Sênior) estão entre os 20 jogadores de handicap mais baixos em campo: Hideaki Iijima, o melhor do PL, e Mario Ghisalberti, do Japy, ambos jogando com 5,1.

Feminino - No feminino, todos aguardam o duelo entre Marina Nonaka, do Arujá, a número 1 de São Paulo e do Brasil, e a carioca Valentina Bosselmann, do Itanhangá, a brasileira mais bem colocada do WAGR (352ª da lista), um pouco à frente de Marina (437ª). Marina vem de três vitórias nos últimos 12 torneios do WAGR (Arujá e Juvenil RS, em 2021, e Brasília, 2022), além de cinco vice-campeonatos.

Bosselmann, por sua vez, vem de quatro vitórias em sete torneios do WAGR (Brasileiro Juvenil e Amador do Brasil, em 2021, e Bandeirantes e Curitiba, em 2022). Destaque ainda para três das melhores jogadoras de São Paulo: Maria Eduarda Ferraz (8ª), do Arujá; Daniela Arantes (9ª), do São Fernando, que vem de uma vitória no Lago Azul; e Gabriele Rodrigues, do Arujá (14ª).

Festa Nikkey – Com um campo de 27 buracos – três percursos de 9 buracos, jogados em três combinações de 18 buracos (Glory/Lily, Pansy/Glory e Lily/Panzy) – o PL Golf Clube pretende colocar o recorde de 240 jogadores em campo, no final da semana, muitos deles da colônia japonesa, que tem em Arujá o seu grande centro no Brasil, incluindo tanto os jogadores do PL, como do vizinho Arujá Golf Clube, além de outros da região, como Paradise (Mogi) e Associação Esportiva de São José dos Campos).

Estarão em jogo 22 troféus em oito categorias, sendo cinco masculinas (scratch; de handicap índex até 8,5; de 8,6 a 14; de 14,1 a 19,4; e de 19,5 a 25,7) e três femininas (scratch; até 16; e de 16,1 a 25,7). Na scratch são dois troféus em disputa; nas demais categorias três. Os participantes terão café da manhã nos três dias de jogo e buffet de almoço no final de semana. O torneio termina domingo, após as 18 horas, com coquetel de confraternização, cerimônia de entrega de prêmios e sorteio de inúmeros brindes.

Horários de saída e resultados (quando disponíveis)

 

Patrocinadores e Apoiadores do Golfe Solidário Brasil

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.