Notícias

  • Home >>
  • notícias
segunda-feira 13 de junho de 2022

Pro-Am Dom Tápparo: Competição por equipes fechou semana especial no Quinta do Golfe

Torneio termina com festa, show de Gian e Giovanni e nova edição confirmada para 2023

 

Familia Tapparo, com organizadores, Gian e Giovani, Emerson Sheik, Marcos Pasquim e Careca 1280

Família Tápparo, na festa de encerramento, com a dupla Gian e Giovani, Emerson Sheik, Marcos Pasquim e Careca. Fotos: Thais Pastor/F2 Assessoria

Não houve quem não elogiasse a primeira edição do Pro-Am Dom Tápparo, realizada no Quinta do Golfe Clube, em São José do Rio Preto, um evento que chegou para ficar em destaque no calendário do golfe brasileiro e como nova edição já confirmada para 2023. Iniciado com um torneio profissional vencido com resultado recorde por Ronaldo Francisco, com 21 abaixo em 54 buracos, o evento terminou com uma animada competição por equipes, dia 11 de junho, seguida por uma festa inesquecível com show da dupla sertaneja Gian e Giovani, que colocou todo mundo para cantar e dançar.

Internas ProAM TapparoVeja mais de 800 fotos do Pro-Am Dom Tápparo

Entre os 100 participantes do Pro-Am, disputado por 20 equipes de um profissional e quatro amadores cada, estavam personalidades como o ator Marcos Pasquim e o atacante Careca. Émerson Sheik, eterno ídolo da torcida do Corinthians depois dos dois gols que acabaram com o tabu do Timão na Libertadores, em 2012, também foi à festa, que contou ainda com importantes golfistas brasileiros que fizeram questão de participar, aos lado dos irmãos, Breno, Bruno e Giovanni Tápparo, do primeiro torneio solo do Engenho Dom Tápparo, que antes esteve presente como apoiador de muitos dos melhores torneios de golfe do Brasil.

Vitória - O time campeão, com 123 (61-62) tacadas, 21 abaixo do par, na soma dos dois melhores resultados do grupo a cada buraco, foi formado pelo profissional Breno Domingos, de Japeri, e pelos amadores Fábio Abudi, presidente do Quinta do Golfe, Rodrigo Rocha, Rafael Greco e Renato Silva. Em segundo, com 124 (62-62) tacadas, ficou o time do profissional Odair Lima, de Maringá, e dos amadores Christiano Verdi, Tiago Chaves, Ricardo Carvalho e Henrique Petribu.

O The Golf Brasil, programa semanal de golfe do BandSports apresenta nesta quinta-feira, 16 de junho, a cobertura especial do Pro-Am Dom Tápparo

O profissional Ronaldo Francisco, campeão do torneio profissional, voltou ao pódio no Pro-Am no comando da equipe terceira colocada, com 125 (65-60) tacadas, que teve ainda os irmãos Bruno e Giovanni Tápparo, Antônio de Oliveira Filho, o Careca, e Marcelo Varella, o organizador do evento. O time do profissional Éverton Menezes e dos amadores Gilson do Carmo, Bruno Arcaro, Rômulo Pereira e Sergio Ramin, também somou 125 (60-65) tacadas, mas perdeu o terceiro lugar nos critérios de desempate.

Campeãs Mundiais - Os troféus representavam as três cachaças da Dom Tápparo escolhidas como as melhores do mundo no concurso internacional The Global Spirits Masters: a Cachaça Cabaré Extra Premium 15 anos (envelhecida em barril de carvalho europeu); a Cachaça Duas Madeiras Extra Premium; e a Cachaça Carvalho Americano 10 anos. Além dos prêmios, no final da festa do Pro-Am foram sorteados três barris da Cachaça Reserva Especial Pro-Am, produzidos especialmente para o evento.

“Realizar nosso primeiro torneio solo era um sonho antigo”, conta Giovanni Tápparo, proprietário do Engenho Dom Tápparo. “Há anos vínhamos consolidando nossa marca no meio do golfe, esporte que eu e meus irmãos aprendemos a amar, e o sucesso desse Pro-Am nos anima para que seja o primeiro de muitos, para festejarmos ao lado de nossos amigos” diz Giovanni.

“Meu avô, patriarca da família, começou a produzir cachaça em 1978, tanto para consumo próprio como para presentear familiares e amigos”, conta Giovanni. O sucesso foi tão grande que ele viu nessa atividade uma oportunidade de negócio que com muito amor, carinho e trabalho, o Engenho não para de crescer desde então”, comemora. “Nós nascemos no meio da cachaça e temos orgulho de a bebida hoje ter vencido preconceitos, estar posicionada ao lado dos melhores destilados do mundo e sendo exportada para os EUA e Europa, além da ampliação de nossa gama de produtos”.

Loucos por Golfe – Um dos mais animados do Pro-Am era o ator Marcos Pasquim, que leva o esporte tão a sério quanto seu trabalho de atuação. “Desde que conheci o golfe através de um vídeo game me apaixonei pelo esporte e passei a me dedicar ao golfe sempre que meu trabalho me permite”, conta Pasquim, que já venceu importantes torneios em sua categoria e recentemente viveu um momento especial no esporte. “A Federação de Golfe do Estado do Rio de Janeiro organizou um torneio em minha homenagem e nele fiz o primeiro hole-in-one da minha carreira”, conta Pasquim, que jogou ao lado do Profissional Vanderlei Soto, o Coruja, do Clube de Golfe de Campinas, e dos amadores Paulo Cabernite, Cairo Ottaiano e João Carlos Pereira.

Careca é outro apaixonado por golfe, tanto que eu seu complexo esportivo Careca Sport Center, em Campinas, funciona o Campinas Golf Center, driving range com um campo de golfe executivo de novo buracos, onde o ídolo da seleção brasileira e do São Paulo, entre outros, treina sempre que pode. “Os Tápparo são especiais e foi um grande orgulho e prazer prestigiar o torneio deles e jogar ao lado de Bruno e Giovanni”, conta Careca. “O golfe é uma cachaça e esse torneio foi a consagração dessa feliz coincidência”.

Émerson Sheik ainda não joga golfe, mas fez questão de ir ao evento prestigiar os amigos Tápparo, de quem é parceiro de longa data. “Fiquei maravilhado com o que vi e já falei para os irmãos que vou começar a jogar e a treinar para estar jogando nesse torneio no próximo ano”, promete Sheik, que foi um dos mais assediados para fotos pelos golfistas e convidados.

Show – Mas quem roubou a cena foram os irmãos Gian e Giovani, que se apresentaram no grande salão de festas do clube, logo após o almoço de confraternização e da cerimônia de entrega de prêmios apresentada por Ricardo Mello, comentarista de golfe da ESPN. A dupla sertaneja que está entre as mais famosas do Brasil colocou todos para dançar e cantar tanto as músicas mais antigas, como as mais recentes.

A dupla cativou a todos, em especial Gian, que não se furtou a participar de uma centena de selfies feitas pelas fãs e pelos fãs em frente ao palco, enquanto cantava. Ele inclusive desceu algumas vezes do palco para contar em meio ao público. Os irmãos Aparecido dos Reis Morais, o Gian, e Marcelo dos Reis Morais, o Giovani, ajudaram a tornar a premiação do evento ainda mais especial, posando ao lado dos três irmãos Tápparo, que entregaram os prêmios, juntamente com Marcelo Varella e com o presidente do clube.

Durante a cerimônia de encerramento, Ronaldo Francisco, head-pro do Quinta do Golfe Clube e campeão do torneio profissional, presenteou os irmãos Tápparo com uma bandeira do evento autografada por todos os profissionais que participaram o evento.

Familia Tapparo 1280

Patrocinadores e Apoiadores do Golfe Solidário Brasil

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.