Federação Paulista de Golfe

Notícias

  • Home >>
  • notícias
segunda-feira 28 de janeiro de 2019

Competição no Broa definiu os novos campeões paulista de Match Play com Handicap

Torneio reuniu os melhores golfistas das 4 categorias masculinas do ranking da FPG

 

4 campeos match playUma maratona de jogos, com cada participante enfrentando oito adversários, durante dois dias, com confrontos pela manhã e à tarde, onde se enfrentava dois adversários ao mesmo tempo, em cada saída, foram definidos neste final de semana, dias 26 e 27 de janeiro, no Broa Golfe Clube, os títulos do Campeonato Paulista de Match Play com Handicap Índex – 2019. Foram premiados os três primeiros colocados de cada uma das quatro categorias de handicap oficiais da Federação Paulista de Golfe (FPG).

De cima para baixo a entrega dos troféus aos campeões Armando Henrique Yoshiura (até 8,5), Luiz Carlos Rosolen (8,6 a 14), Duck Ho Lee (14,1 a 19,4) e Willian Souza Muniz (19,5 a 25,7), feitas por Ademir Mazon e Marcelo Giumelli.

Entre os de handicap até 8,5, a única categoria onde jogaram todos os nove primeiros do ranking, houve um tríplice empate em primeiro lugar, todos com 18 pontos, referentes e seis vitórias e duas derrotas cada. Quem levou a melhor nos critérios de desempate foi Armando Henrique Yoshiura, do Bauru, com Alessandro Fonseca, da Academia GolfRange, sendo o vice-campeão, e Rogerio Cardoso, do Damha, o terceiro colocado. Yoshiura perdeu jogos para Alessandro e Gui Grinberg, do São Paulo.

Como houve tríplice empate em primeiro, a decisão dos três primeiros lugares foi pela soma de buracos ganhos no torneio, os chamados “pontos pequenos”, ou seja, que venceu por 3 & 2 por exemplo (vencia por três buracos restando dois a jogar) somou 3 pontos pequenos, e assim por diante. Alessandro perdeu para Rogério e Fernando Silva, do GolfRange; e Rogério foi derrotado por Matheus de Paula Oliveira e Yoshiura. Gui, que perdeu ainda para Marcos Negrini, do Damha, ficou em quarto com 15 pontos. Curiosamente, nenhum dos 36 jogos da chave terminou em empate.

Mais campeões - Na 8,6 a 14, Luiz Carlos Rosolen, do Sapezal, foi campeão invicto, com 20 pontos de seis vitórias e dois empates. Luiz Claudio Recchia, também do Sapezal, foi o vice-campeão com 19 pontos de seis vitórias, um empate e uma derrota para Rosolen, enquanto Marcelo Fonseca, de São José, levava o troféu de terceiro lugar, com 13 pontos (4 vitórias, 1 empate e três derrotas). Ademir Mazon, do Sapezal, que arrancou um empate e Recchia, o campeão, também somou 13 pontos, mas ficou em quarto por ter perdido no confronto direto contra Fonseca.

Na 14,1 a 19,4, única chave com oito jogadores, em vez de nove, Duck Ho Lee, do Campinas, também foi campeão invicto, com 19 pontos de seis vitórias e um empate. O vice-campeão foi Cristian Puras Berti, do Ibiúna, com 16 pontos – cinco vitórias, um empate e uma derrota, para Lee. Em terceiro, com 12 pontos – 3 vitórias, 3 empates e 1 derrota – terminou Marcos Lopes de Almeida, do Vila da Mata.

100% de aproveitamento - E, finalmente, da 19,5 a 25,7, Willian Souza Muniz, do Ibiúna foi o terceiro campeão invicto da competição, mas o único com 100% de aproveitamento, uma vez que venceu todos os seus oito jogos, para somar 24 pontos. O vice-campeonato foi decidido pelo critérios de desempate, com Jiahai Huang, do São Paulo ficando em segundo lugar por ter vencido o confronto direto contra Young Chul Kim, do Campinas. Ambos somaram 18 pontos de seis vitórias e duas derrotas.

Mauro Batista, diretor executivo da Federação Paulista de Golfe (FPG) apresentou a entrega de prêmios que teve a mesa formada ainda Ademir Mazon e Luiz Cláudio Recchia, ambos vice-presidentes da FPG, e por Marcelo Giumelli, do Broa.