Federação Paulista de Golfe

Notícias

  • Home >>
  • notícias
quarta-feira 07 de novembro de 2018

Taça Capitã 2018, nesta 6ª feira, no Fazenda da Grama, arrecada fundos para o ITACI

 Evento já se consolidou como uma das principais competições femininas do golfe paulista e brasileiro

 

Claudia Rappa, capitã do Fazenda da Grama e anfitrião deste ano no tee do buraco 18. Foto: Thais Pastor/F2 Comunicação

Claudia Rappa, capitã do Fazenda da Grama e anfitriã deste ano no tee do buraco 18. Foto: Thais Pastor/F2 Comunicação

A Taça Capitã 2018, tradicional competição do Fazenda da Grama Country & Golf Club, que vai ser jogada nesta sexta-feira, 9 de novembro, será, mais uma vez, beneficente, arrecadando fundos para o importante trabalho do ITACI – Instituto de Tratamento do Câncer Infantil. Nos últimos anos, perto de R$ 20 mil têm sido arrecadados para o instituto, que é um hospital público ligado ao Instituto da Criança do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP. Conheça mais sobre o ITACI, abaixo.

Já consolidada como uma das principais competições femininas do golfe paulista e brasileiro, a Taça Capitã 2018, que reunirá mais de 60 jogadoras, tem como anfitriã Claudia Rappa e conta com o inestimável apoio de Maria Elisa Araújo, que todos os anos reúne as jogadoras que chegam de véspera para um coquetel de boas-vindas e um jantar de confraternização, com pizzas, em sua fazenda.

Premiação e brindes - A Taça da Capitã serão jogada em duas categorias na modalidade stableford, de soma de pontos, com saídas simultâneas às 9h30, terminando com um almoço de confraternização, entrega de prêmios e sorteios de brindes oferecidos pelos patrocinadores, a partir das 14h30. A recepção, com entrega de kits de presentes às participantes e café da manhã começa às 8 horas desta sexta-feira. Haverá iogurtes Ati Latte (baunilha) para todas as jogadoras tomarem no campo.

Como sempre, o kit que as jogadoras participantes recebem é sempre especial. Este ano o kit terá brindes da Sonoma, que também dará os vinhos do almoço e levará um Sommelier para falar sobre os vinhos do evento; molhos da Sapori e um vinagre de maçã Castelo; Ecobags ITACI; kit de maquiagem da Forever You; e marcador de livros de Christiane Grigoletto, que também dará um lenço de seda pintado à mão para sorteio.

Mais apoiadores - Para sorteio ou leilão no final haverá ainda uma joia da Claudia Araujo; uma tela da Mariana Maia (mmaiaart.com.br); uma hospedagem de três noites em Comandatuba da Golf Travel; um conjunto da Wool Line, que vai ainda doar 5% do valor das vendas do dia para o ITACI; 3 vouchers para 2 pessoas no Açougue Central; um kit da Sugar Pepper; um jogo de lençol, um jogo de toalhas e um cobertor da Scavone; Almofadas E. Garcia Home; uma Peça de cerâmica Gê Lima Pinto; sacolas com bolsinha para bola e um colete acolchoado do São Fernando; dois kits de produtos Phito; um kit Viva Amazon, que também oferecerá massagens para jogadoras; e presentes de Iguatemi (DVF), Madame Gâteau, Tarte Maison e Lucia Guilger.

 

Conheça o ITACI

 

Itaci bonecoInstituto de Tratamento do Câncer Infantil é um hospital público ligado ao Instituto da Criança do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP. O ITACI iniciou suas atividades em dezembro de 2002, com o objetivo de oferecer um espaço mais adequado, bem como novos equipamentos, para o tratamento das crianças e adolescentes até então atendidos no Instituto da Criança, por intermédio do Serviço de Onco-Hematologia.

A construção do ITACI é resultado de uma grande mobilização, iniciada em 1999, e de uma parceria entre a Fundação Criança, a Ação Solidária Contra o Câncer Infantil (ASCCI) e o próprio Instituto da Criança do Hospital das Clínicas, com o inestimável trabalho e dedicação do Dr. Aluizio Rebello e Anna Helena de Araújo, e de Roberto Duailibi, membro do conselho da Fundação Criança. Hoje, faz parte de um dos mais importantes complexos na área de saúde do país, que inclui também um centro de pesquisas, a Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e assistência médica em mais de 20 especialidades pediátricas diferentes.

Gratuito - O atendimento no ITACI é gratuito, sendo que a maioria dos pacientes chega encaminhada pelo Instituto da Criança do HC ou pelas unidades do SUS (Sistema Único de Saúde). Há ainda casos de crianças e jovens cujos pais procuram diretamente o instituto. Do total de pacientes atendidos pelo ITACI, 30% em geral vêm de outros estados e até países. Outros 30% aproximadamente são procedentes de outras instituições públicas que não têm condições de realizar o tratamento de casos mais avançados da doença.

Quando iniciou suas atividades, o ITACI contava com 12 consultórios médicos e duas salas para procedimentos no ambulatório, além de 12 leitos de hospital/dia para quimioterapia. No ano seguinte, inaugurou o atendimento na área de internação de pacientes de oncologia, destinada aos casos mais graves.

Números - Em 2012, dez anos após sua inauguração, o ITACI chegou a realizar um total de 17.374 consultas médicas, 13.086 consultas multiprofissionais e 4.531 quimioterapias realizadas no ano. A taxa de ocupação da oncologia foi de 95,6%, com média de permanência de 16,5 dias. Na área de transplantes, foram 710 consultas médicas e um total de 24 transplantes de medula óssea realizados no decorrer do ano.

Hoje o ITACI é uma referência no atendimento especializado à criança e ao adolescente com câncer e outras doenças hematológicas ou raras. E tem um diferencial importante em relação a outras instituições nessa área: o atendimento a crianças e jovens fora de possibilidade terapêutica, que não puderam ser tratadas em outros hospitais por estarem em estado avançado da doença.

Como ajudar o ITACI

Você também pode colaborar com o ITACI com doações financeiras, de material, de medula óssea, de sangue, com trabalho voluntário e mesmo com visitas.

Para saber mais, visite o site do ITACI e ajude a manter esse sonho!