terça-feira 30 de janeiro de 2018

Clínicas de golfe gratuitas no Broa apresentam esporte a centenas de pessoas todos os meses

Iniciativa do profissional Marcelo Giumelli é uma das atrações dos hóspedes do Resort

 

todos os participantes da clinica 1000

internas

 

Nos últimos três anos, os hóspedes do Broa Golf Resort, em Itirapina (SP) vem tendo uma atração extra em sua programação de finais de semana: clínicas de golfe gratuitas, para grupos de dezenas de pessoas, para as quais o profissional Marcelo Giumelli apresenta o esporte, explicando sua histórias, seus regras, como se dá a contagem do jogo e ainda dando a todos a oportunidade de dar umas tacadas. Não há quem não goste.

Mesmo durante competições importantes, como o Paulista de Match Play com Handicap, jogado no último final de semana, o programa não para.

No sábado, 27 de janeiro, logo após o almoço, mais de 50 hóspedes atravessaram a estrada que separa o resort e a Represa do Broa, do campo de golfe, aceitando trocar a piscina, os esportes aquáticos e vôlei de praia, entre as muitas oportunidade de lazer oferecidas, para conhecer o golfe.

Envolvente - “Na hora da explicação teórica, na sede, não estava achando muita graça, mas agora que pude bater umas bolas eu me apaixonei”, diz um ex-tenista que acompanhava o grupo.

“Quando vi o professor demonstrando, parecia fácil, mas na minha vez não consegui nem acertar na bola”, surpreendeu-se outra hóspede, que não desistiu até fazer a bola voar.

Para Marcelo Giumelli, por mais simples que seja a demonstração, com pouco mais de uma hora de duração, entre as explicações teóricas e a prática no bate-bola do campo, muita gente decide aprender golfe para valer.

“Não são poucos os que vieram conhecer o golfe quando estavam hospedados e que voltam tempos depois já jogando golfe”, conta Giumelli.

Acessível - “Muitas desses hóspedes tem campos de golfe em suas cidades, ou próximo a elas, e ao perceberem como o golfe é envolvente, vão ter aulas e acabam se tornando novos golfistas”, orgulha-se Giumelli.

“Para muitos, é preciso apenas desmistificar o golfe, mostrar que é um esporte acessível e muito gostoso”, comenta o profissional. “O campo do Broa está sempre aberto para quem quiser conhecer o golfe ou se aprofundar no esporte e começar a jogar”.





Federação Paulista de Golfe